• (61) 4104-6161
  • apoio@drplastica.com.br

Como é a recuperação da rinoplastia?

Como é a recuperação da rinoplastia?

Uma das principais dúvidas antes de realizar qualquer procedimento estético diz respeito ao pós-cirúrgico. Na recuperação da rinoplastia, particularmente, os cuidados precisam ser redobrados, pois ela é considerada uma etapa fundamental para se atingir o resultado desejado.

rinoplastia é uma cirurgia realizada no nariz que possui funções estéticas e funcionais. Ou seja, ela pode tanto melhorar a aparência e a proporção do nariz quanto a sua funcionalidade, corrigindo, assim, dificuldades respiratórias provocadas por anormalidades na estrutura.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, com os cuidados apropriados durante a recuperação da rinoplastia, é possível ver cerca de 95% do resultado em, aproximadamente, 30 dias. Os outros 5%, em contrapartida, podem demorar entre  seis meses e um ano para se tornarem visíveis, dependendo de como o organismo da pessoa reage.

Neste artigo, você vai conhecer como funciona a recuperação da rinoplastia e os cuidados pós-cirúrgicos que devem ser tomados. Antes, porém, explicaremos quais os tipos de rinoplastia e em quais casos a cirurgia é indicada. Confira!

O que é a rinoplastia?

Rinoplastia é a cirurgia que visa modificar o nariz. Ela costuma ter dois objetivos principais:

  1. estético: quando o paciente almeja melhorar a harmonia facial e, consequentemente, sua autoestima e
  2. reparador ou funcional: também pode ter função estética, porém a prioridade é consertar alguma anormalidade que esteja comprometendo a respiração e, consequentemente, gerando transtornos à saúde e ao bem-estar da pessoa.

Quando a cirurgia é indicada?

A rinoplastia pode ser procurada por diversos motivos. Porém, ela é mais indicada nas seguintes situações:

  • tamanho do nariz é desproporcional às demais estruturas faciais;
  • o dorso nasal é muito largo ou fino;
  • a pessoa não gosta do perfil do seu nariz;
  • ponta do nariz é muito grande, caída ou arrebitada;
  • existe assimetria nasal e desvio;
  • respiração está muito comprometida, causando dificuldade para dormir ou realizar atividades físicas;
  • reparar traumas;

Como é a recuperação da rinoplastia

Após a realização do procedimento, é comum que o cirurgião plástico coloque uma espécie de gesso ou tampão interno e faça um curativo. Esse é um passo fundamental da recuperação da rinoplastia porque garante o apoio e proteção das novas estruturas da narina, principalmente ao longo do período de cicatrização.

Nas primeiras 48 horas, pode ocorrer um pouco de sangramento. Caso isso aconteça em abundância, a recomendação é que o paciente disponha uma bolsa de gelo sobre o nariz. Outro sintoma que pode surgir nas primeiras semanas é a obstrução nasal. Se a respiração ficar muito comprometida, é permitido realizar a limpeza das narinas com soro fisiológico.

Na primeira semana, é importante que a pessoa evite realizar esforço. Banhos quentes e atividades físicas igualmente não são recomendados nessa etapa.

O acompanhamento com o médico deve ser frequente, tanto para evitar riscos maiores, como infecções, quanto para acompanhar a recuperação da rinoplastia e, se necessário, solicitar alguma mudança de hábito.

É importante ter em mente que, como qualquer cirurgia, a rinoplastia oferece riscos. Porém, eles podem ser minimizados caso ela seja realizada com um profissional de confiança e devidamente habilitado.

AGENDE SUA CONSULTA
admin

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: