• (61) 4104-6161
  • apoio@drplastica.com.br

Cirurgia plástica de pálpebras ajuda a rejuvenescer o olhar

Cirurgia plástica de pálpebras ajuda a rejuvenescer o olhar

blefaroplastia, também conhecida como cirurgia plástica de pálpebras, pode ser realizada tanto por fins estéticos quanto funcionais, com o objetivo de remodelar as pálpebras removendo pele e bolsas de gordura ao redor dos olhos. Vamos mostrar como funciona a blefaroplastia.

Com o passar do tempo é normal que ocorra o surgimento de rugas e flacidez na região dos olhos, e exatamente nessa região surgem os primeiros sinais de envelhecimento.

Essa cirurgia plástica é indicada para mulheres e homens com excesso de pele, flacidez e bolsas nas pálpebras superiores ou inferiores, prejudicando a visão e provocando aspecto envelhecido no rosto. Entenda como funciona a blefaroplastia e os resultados que proporciona.

O procedimento

A blefaroplastia pode ser realizada isoladamente ou complementada com outros tipos de cirurgias plásticas faciais que auxiliam no tratamento do envelhecimento facial e ajudam a reduzir o aspecto de cansaço dos olhos.

Vale lembrar que essa cirurgia plástica não é voltada apenas para fins estéticos, mas também para a preservação do aspecto funcional das pálpebras. A indicação da cirurgia poderá ser total ou parcial, isso irá variar conforme a necessidade de cada paciente.

Cirurgia de Blefaroplastia

Cirurgia de Blefaroplastia

Se você sofre com a flacidez e o excesso de pele nas pálpebras, então é importante que você entenda como funciona a blefaroplastia. Esse é um procedimento cirúrgico simples, porém é realizado com uma técnica delicada.

Aviso: somente cirurgiões plásticos habilitados poderão definir a quantidade ideal de pele e gordura a ser removida e também ajustar a musculatura nas pálpebras.

Como funciona a blefaroplastia

Anestesia: pode ser geral ou local com sedação e a cirurgia dura aproximadamente uma hora.

Procedimento: depois que a anestesia é aplicada, o cirurgião marca o excesso de pele e faz as incisões para retirá-lo. Excessos de gorduras também podem ser retirados nesse processo. Tudo isso dura cerca de uma hora.

Pontos: pode ser absorvíeis, removíveis ou cirúrgicos – tudo depende de cada caso e da indicação do cirurgião.

Cicatriz: as incisões da cirurgia são planejadas para deixar as cicatrizes escondidas dentro das estruturas naturais das pálpebras, logo quando a cirurgia é realizada por profissionais especializados a cicatriz fica pouco visível.

Resultados: costumam surgir dentro de um a seis meses, sendo fundamental que o paciente siga todas as recomendações de pós-operatório para que a recuperação ocorra de forma segura e sem problemas. Porém alguns resultados já são visíveis nas primeiras semanas.

Duração: as pálpebras podem voltar a cair ao passar dos anos dependendo do nível de flacidez da pele. Mesmo assim, os efeitos dessa queda serão mais suaves após a cirurgia.

Associação à outros procedimentos: o lifting facial é uma das associações mais comuns à blefaroplastia.

Contra-indicações

Pacientes com doenças crônicas como diabetes, hipertensão e insuficiência cardíaca descompensadas devem antes controlá-las para depois de se submeterem a cirurgias plásticas.

Quem tem problemas de visão, como miopia ou hipermetropia, por exemplo, podem fazer a cirurgia sem qualquer problema.

admin

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: